Carioca representa o Brasil em concurso de top model no Egito

by Jornal A Metrópole | 13/12/2018 16:55

[1]Quando falamos de Vila Isabel, logo nos lembramos de Noel Rosa, o mais ilustre representante do bairro boêmio, localizado na zona norte do Rio. Mas não são apenas estrelas musicais que brilham no bairro de Noel. É também da Vila que vem Hosana Elliot, 25 anos de idade, estudante universitária de biotecnologia e filantrópica. Do alto de seu 1,82m, essa carioca, de família humilde, trilha um belo caminho na carreira de modelo. Uma carreira que agora será internacional.

Em 2014, Hosana foi coroada Miss Rio de Janeiro. Na época, tinha apenas 21 anos de idade, mas já modelava desde os 17. Menina doce, mas de personalidade firme, a jovem eleita a mulher mais bela do Estado do Rio de Janeiro foi categórica após vencer o concurso:

“Sou uma miss negra!”, declarou. Desde então, a miss negra do subúrbio carioca passou a ser ainda mais solicitada para trabalhos como modelo. E depois de protagonizar importantes catálogos aqui no Brasil, Hosana está no Egito, onde disputa o concurso Top Model of the World 2018, um dos mais badalados do planeta. A carioca será uma das duas representantes brasileiras na disputa. A outra é a amazonense Sarah Chinikoski. Hosana conversou com a nossa reportagem.

De onde vem tanta beleza?
Minha? (risos). Não. Acho que é a beleza da mulher brasileira.

Por que as brasileiras são tão valorizadas no mercado da moda?
O Brasil é fábrica de beleza diversificada. As melhores modelos são brasileiras. Nós não temos só a beleza, temos determinação de correr atrás do nosso. Isso faz diferença. Além da beleza, inteligência, foco e determinação.

O que significa para uma jovem negra do subúrbio do Rio representar o Brasil no Top Model of the World 2018?
Nossa… Para mim é, ao mesmo tempo, uma honra e uma pressão, porque eu levo comigo uma responsabilidade de mostrar que não somos só “corpo voluptuoso” como as pessoas de outros países acham que somos. Somos mulheres que acordamos cedo para trabalhar, estudar e correr atrás dos nossos objetivos. Representar o país vai mostrar a essas meninas do subúrbio que, mais que beleza, elas são os sonhos delas.
Hosana Elliot, de Vila Isabel para…?

De Vila Isabel, terra da boemia e do samba, subúrbio do Rio de Janeiro, hoje aqui para o Egito e, se Deus permitir, para o mundo todo representando o Brasil.

Endnotes:
  1. [Image]: http://jornalametropole.com.br/wp-content/uploads/2018/12/a0b96a98-bb0c-42df-8ff9-172f05cedbfc.jpg

Source URL: http://jornalametropole.com.br/noticias/carioca-representa-o-brasil-em-concurso-de-top-model-no-egito/